Planejamento anual: como fazer e por onde começar

O próximo ano já está batendo na porta e chegou a hora de se planejar para 2021. Enquanto as crianças sonham com os presentes de Natal e com as festas de final de ano, os adultos e profissionais estão ocupados em planejar seus passos para os próximos 12 meses.

É um processo tenso, pois além de trabalhoso requer muito critério e um exercício de antecipação dos possíveis cenários do próximo ano. Por outro lado, o resultado desse planejamento pode inspirar, motivar e demonstrar as oportunidades que o novo ano pode trazer.

Um planejamento anual é uma excelente forma de manter o foco e organizar suas tarefas, do cotidiano ou não, sejam elas frutos de compromissos profissionais ou questões mais íntimas.

Se você ainda não possui um planner, é altamente recomendado que comece já. É bem provável que esse processo traga uma excelente noção sobre as realizações neste ano e as direções a serem tomadas daqui para frente.  O processo de organização de um planner se consiste em duas etapas: Revisão e Planejamento. Vamos lá?

REVISÃO

A primeira coisa a se fazer é escrever uma revisão do último ano como um todo. É um sumário com o que aconteceu e com o que foi mais importante para você. Comece com um exercício livre de escrita e, então, tente separar nas seguintes 7 áreas de sua vida:

  1. Relacionamento
  2. Carreira
  3. Corpo
  4. Mente
  5. Espírito
  6. Vida social (amigos e família)
  7. Finanças

Procure revisar suas conquistas do último ano em cada uma dessas áreas. Assim, você será capaz de mensurar as realizações das quais sente orgulho, bem como o que você queria ter feito, mas não conseguiu.

Esse processo de reflexão vai ajudar você a perceber as mudanças necessárias em sua vida, além de clarear quais atitudes e posturas precisam ser mudadas no próximo ano.  Para ajudar nesse processo de revisão procure responder às seguintes perguntas:

  • O que aprendi neste ano?
  • Quais foram os meus maiores êxitos?
  • Consegui alcançar meus objetivos nesse ano?
  • Qual foi a minha maior surpresa?
  • O que pretendo fazer no próximo ano?
  • O que quero terminar?

Em seguida responda às seguintes perguntas para ajudar você a alcançar nitidez em um nível mais macro:

  • Estou feliz atualmente?
  • Sobre o que estou feliz atualmente?
  • Sobre o que me sinto grato atualmente?

Após essa revisão, é hora de aproveitar esse momento de insights sobre o último ano. Agora você pode canalizar as ideias e emoções trazidas pelo processo de revisão para o seu planejamento do próximo ano.

PLANEJAMENTO

Após ter feito sua revisão do último ano, é normal ter inúmeros pontos de melhoria. A maioria virá naturalmente à sua mente agora. Escreva todas elas.

Então, novamente, categorize-as de acordo com as 7 áreas da sua vida abordadas no processo de revisão. As perguntas a seguir podem te ajudar nesse processo:

  • Quais as áreas que quero expandir (dar mais atenção)?
  • O que, especificamente, quero conquistar no próximo ano?
  • Que sonho gostaria de realizar no próximo ano?
  • O que posso fazer para tornar minha vida mais simples e descomplicada?
  • Como posso alcançar isso?

A vantagem desse tipo de planejamento é que a integração de diferentes áreas de nossas vidas fortifica o que somos: seres humanos com diferentes necessidades que se interrelacionam para o nosso desenvolvimento.

Quando você escrever seu planejamento, tente encontrar soluções ativas para os problemas que identificou no último ano. Crie um mapa mental com as áreas da sua vida e os objetivos que tiver para cada uma delas. É um processo simples que vai te ajudar a organizar seus pensamentos, de forma a colocar sua vida nos trilhos que você gostaria.

E aí, como você faz seu planejamento anual? Tem alguma dica para ajudar a galera a se programar? Deixe aqui nos comentários.

Outras Categorias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *